Site Versão em Inglês Site Versão em Espanhol
 
Facedbook twitter YouTube

Multimídia » Clipping
 
 
SEXTA-FEIRA, 28 DE SETEMBRO DE 2018 | 08:11
 
BC rebaixa projeção do PIB para 1,4% neste ano
 
Com a perda de ritmo da recuperação econômica no segundo trimestre e a paralisação dos caminhoneiros, o Banco Central voltou a revisar para baixo sua projeção para a alta do PIB (Produto Interno Bruto) deste ano, de 1,6% para 1,4%.

As projeções para a indústria, agropecuária e consumo das famílias foram revisadas para baixo, segundo informações do relatório trimestral de inflação, divulgado nesta quinta-feira (27).

Uma evolução mais lenta do que a esperada para o mercado de trabalho, assim como queda nos indicadores de confiança dos consumidores, levaram o BC a rebaixar a expectativa do consumo das famílias de 2,1% para 1,8%.

No caso da indústria, a expectativa do BC foi revisada de 1,6% para 1,3%, com queda em todas as atividades (indústria extrativa, indústria de transformação, construção civil e produção e distribuição de eletricidade).

A projeção para o comportamento de serviços se manteve inalterada, indicando alta de 1,3%. No caso do comércio, que o BC considera uma atividade de serviços, houve redução na projeção, de 2,7% para 2,3%.

Com a estimativa de redução da safra para alguns produtos, como milho e cana-de-açúcar, o desempenho da agropecuária foi revisado pela autoridade monetária de 1,9%, no último relatório, para 1,5%.

A expectativa do BC para investimentos (formação bruta de capital fixo) foi elevada de 4% para 5,5%, mas a autoridade monetária salientou que a alta está relacionada com a importação de equipamentos pela Petrobras (por causa de novas regras fiscais, a empresa precisa nacionalizar algumas plataformas de petróleo neste ano).

A projeção divulgada nesta quinta está mais alinhada com as projeções dos analistas ouvidos no boletim Focus, de uma expansão de 1,35% na atividade econômica de 2018.

O BC também divulgou sua expectativa para 2019: a autoridade monetária espera um crescimento de 2,4% do PIB no ano que vem.

INFLAÇÃO
O Banco Central ainda afirmou que espera que o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) seja de 4,1% neste ano e de 4% no ano que vem.

Nos dois casos, os percentuais ficam abaixo do centro da meta, que para este ano é de 4,5%, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Para 2019, a meta é de 4,25%, com o mesmo intervalo de tolerância.

fonte: Udop, com informações da Folha de S.Paulo (escrita por Maeli Prado)
 
Mais recentes
 
SEXTA-FEIRA, 19 DE OUTUBRO DE 2018 | 08:17
 
Governo anuncia medidas para desburocratizar comércio agrícola internacional
 
Segundo informou o ministério, a medida vai desburocratizar a fiscalização
QUARTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2018 | 07:58
 
Balança comercial tem superávit de US$ 1,7 bilhão na 2a. semana de outubro
 
A média das exportações da segunda semana chegou a US$ 1,1 bilhão
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE OUTUBRO DE 2018 | 08:53
 
Agro deve exportar US$ 100 bilhões neste ano, diz Maggi
 
É uma marca que vínhamos perseguindo e que agora vamos alcançar
Confira todas as notícias
 
  
  

PEÇAS E COMPONENTES
Disponibilizamos através da Tba (www.tbatec.com.br) peças originais a pronta entrega, utilizadas em nossos equipamentos...
 
Se você tem Gascom,
você tem pós venda.

 

 
 
 

 
ß
 

® 2013 | Gascom Equipamentos Industriais | Todos os direitos reservados
Avenida Marginal Sérgio Cancian, 5293 | Sertãozinho | SP | Fone 16 2105-3622 | comercial@gascom.com.br
 
  » Inicial

» Empresa
    História
Localização
Clientes
» Produtos

» Serviços e Peças
    Assistência Técnica
Peças e Componentes

» Multimídia
    Notícias
Clipping
Sala de Imprensa
Eventos
» Contato
    Fale conosco
Solicite seu orçamento
Trabalhe conosco
Seja nosso fornecedor